Primeiro voo

22 abril, 2013 Notícias Comente

Na área de 25 quilômetros quadrados onde o Aeroporto 20 de Setembro deve ser construído, em Nova Santa Rita, ainda prevalece o verde, mas ali mesmo, onde duas pistas levarão a produção do estado para a Ásia pela rota polar sul, pousou o helicóptero que trouxe o Ministro-chefe da secretaria de Aviação Civil, Moreira Franco, e o governador Tarso Genro.

Os dois foram recebidos pelo coordenador do comitê Pró-Aeroporto 20 de Setembro, padre Marcelo Fernandes de Aquino, reitor da Unisinos, e representantes que participam do comitê e ajudaram a construir o estudo de viabilidade do projeto. “Hoje é um dia sumamente importante para o Brasil e para o Rio Grande do Sul. Estamos dando os primeiros passos para a construção de uma grande plataforma para a comunicação do país e do estado com o Mercosul e com a Ásia através da rota polar do sul. Queremos um aeroporto classe 1A para que ideias de ciência, tecnologia, mercadorias, políticos e artistas circulem com facilidade. É o futuro que já começa a acontecer. É uma honra ter o governo do RS como protagonista desse projeto. A sociedade civil está unida em torno de uma causa maior”, disse o reitor.

Reitor da Unisinos falou ao ministro e ao governador sobre a importância do projeto do Aeroporto 20 de Setembro

Reitor da Unisinos falou ao ministro e ao governador sobre a importância do projeto do Aeroporto 20 de Setembro

Convicto de que o Aeroporto 20 de Setembro é estratégico para o estado e para o país, o governador Tarso Genro marcou o início do trabalho técnico-político-institucional sobre o projeto com um sobrevoo sobre a área que abrigará as duas pistas, uma de 3.200 metros e a outra de 2.700 metros, junto com o ministro. “O 20 de Setembro está acima de partidos políticos e diferenças regionais. Estamos consolidando a articulação interna dos governos Federal e Estadual para que possamos executar essa importante obra para o Rio Grande do Sul”, apontou o governador.

O Ministro Moreira Franco parabenizou a iniciativa da sociedade civil, representada pelo comitê pró-aeroporto, e afirmou que este é um exemplo de participação comunitária que tem, desde já, papel histórico para o estado. “Estamos iniciando o processo decisório. Não há duvidas de que é necessário uma alternativa para o Aeroporto Salgado Filho. O governo estará tecnicamente e institucionalmente do lado do RS para que possamos estar presentes aqui para ver a inauguração desse projeto. Agora é mãos a obra”, disse.

 

O 20 de Setembro
O aeroporto será o segundo maior do Brasil, atrás apenas do de Brasília. As duas pistas serão separadas por 1.050 metros, permitindo pousos e decolagens simultâneas. Com voos via rota polar sul, o 20 de Setembro ligará o RS diretamente aos países da Ásia, com destaque para China, Índia e Coreia do Sul.

O aeroporto fica a oito quilômetros do Parque Tecnológico São Leopoldo, o Tecnosinos, e a apenas 25 de Porto Alegre. Localizado estrategicamente em Nova Santa Rita, a construção está próxima do setor produtivo da região e ligada às BRs 448, 386, 340.

Liderança assumida
“A mobilização para o aeroporto da região metropolitana mostra que o Rio Grande do Sul está unido nesta causa. O meu apoio está garantido”. Assim o governador do estado, Tarso Genro iniciou a reunião de trabalho com o comitê Pró-Aeroporto 20 de setembro na tarde desta sexta-feira (19/4), no Palácio Piratini. Na ocasião, o governador assinou decreto que instituiu um Grupo de Trabalho do Executivo em prol do projeto que será presidido pelo secretário de Infraestrutura e Logística, Caleb de Oliveira.

Confira mais imagens na galeria de fotos:


 

Fonte: J.U Online